Nosso Yoga Resort e Reserva Ambiental na Chapada dos Veadeiros - GO

O Paraíso dos Pândavas tem sua sede numa área de 394 hectares (Fazenda Paraíso dos Pândavas) em plena Chapada dos Veadeiros, de frente ao Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, na altura do famoso “Morro da Baleia”. A área conta com riquíssimos recursos naturais, incluindo várias nascentes e matas ciliares. A área é o berço do Rio São Miguel, um dos mais importantes da região, e o Córrego do Salto.

Temos diferentes tipos de acomodação (veja aqui) e um camping para convidados que queiram experimentar o maravilhoso clima de paz e beleza do nosso santuário participando de um de nossos retiros, que permitem qualquer um deslumbrar as vantagens de uma vida saudável e equilibrada em consciência divina.

Não deixe de ver em nossa Galeria de Fotos, centenas de fotos da nossa reserva, das nossas edificações e dos Retiros de Yoga já realizados!

Clique aqui para saber como chegar lá!

Nossa Metas Ecológicas

Entenda o que é o Cerrado

“O Cerrado é o segundo maior bioma brasileiro, localizado em uma grande área do Brasil Central. Por fazer fronteira com outros importantes biomas, (a Amazônia ao norte, a Caatinga a nordeste, o Pantanal a sudoeste e a Mata Atlântica a sudeste) a fauna e flora do Cerrado são extremamente ricas.

Na região do cerrado existem mais de 10.000 espécies vegetais, uma grande variedade de vertebrados terrestres e aquáticos e um elevado número de invertebrados. Espécies ameaçadas como a onça-pintada, o tatu-canastra, o lobo-guará, a águia-cinzenta e o cachorro-do-mato-vinagre, dentre muitas outras, ainda têm populações significativas no Cerrado, ressaltando sua importância como ambiente natural.

Além da biodiversidade, os recursos hídricos da região ressaltam em quantidade e qualidade: nas suas chapadas estão as nascentes dos principais rios das bacias Amazônica, da Prata e do São Francisco.

Apesar do seu tamanho e importância, o Cerrado é um dos ambientes mais ameaçados do mundo. Dos mais de 2 milhões de hectares de vegetação nativa restam apenas 20% e a expansão da atividade agropecuária pressiona cada vez mais as áreas remanescentes. Essa situação faz com que a região seja considerada um hotspot de biodiversidade e desperte especial atenção para a conservação dos seus recursos naturais.” - fonte: Conservação Internacional do Brasil.

Nossos objetivos na área de meio ambiente são a recuperação e preservação. Toda a área da Chapada dos Veadeiros já sofreu demasiado com excessivas queimadas para criação de gado e carece de recuperação, especialmente para garantir a integridade das nascentes de água.

Além da preservação extrema que praticamos – proibindo qualquer tipo de atividade em 98% da reserva – entendemos que é necessário também praticar o uso correto dos recursos naturais, a saudável integração homem-natureza. Para isso utilizamo técnicas de permacultura e cultura biodinâminca no manejamento de nosso ashram (retiro espiritual) aqui situado.

Temos como objetivo levar adiante o reflorestamento das matas aqui em nossa reserva ecológica. Em 2006 reflorestamos dois hectares, com um total de quase 3 mil mudas e sementes plantadas.

Entenda os termos:

Permacultura: “Em poucas palavras, Permacultura é uma síntese das práticas agrícolas tradicionais com idéias inovadoras. Unindo o conhecimento secular às descobertas da ciência moderna, proporciona o desenvolvimento integrado da propriedade rural de forma viável e segura para o agricultor familiar.” – fonte: Rede Brasileira de Permacultura.

Agrofloresta: “Plantações de florestas para suprir as necessidades do homem. Usa a dinâmica de sucessão de espécies da flora nativa para trazer as espécies que agregam benefícios para o terreno assim como produtos para o agricultor.” – fonte: Wikipedia

A Forma Mais Poderosa de Ajudar o Meio-Ambiente

Muitos naturalmente se dizem preocupados com a degradação do meio-ambiente e as crescentes desigualdades sociais. Mas poucos compreendem que não existe um grande vilão nessa história. O vilão somos nós mesmos!  Todo o poder nesse mundo terreno é movido a dinheiro e esse dinheiro vem de nosso bolso. Ou seja, a maneira que utilizamos nosso dinheiro é o que define os rumos do mundo. Não adianta achar que essa ou aquela grande multinacional é a culpada por poluir esse rio ou destruir aquele meio-ambiente, quando em nossas casas encontramos seus produtos. Nem adianta comprar de empresas que exploram sua mão de obra ou onde intermediários tiram grandes lucros e reclamar da crescente crise social. Isso se chama consumo consciente: usar seu poder de escolha - seu poder de compra - para direcionar nossa sociedade rumo a sustentabilidade, ao respeito pela natureza e a justiça social. Mais...

Nossas Acomodações

Clique aqui para ver nossas acomodações!

 


Desenvolvimento: VixCenter ® 2004 • Brasília • DF